Blog

Retrospectiva infantil com cenas em vídeo

0
retrospectiva infantil

Particularmente, eu não sou muito fã dos modelos de retrospectiva infantil que têm sido feitas ultimamente para festas infantis. Normalmente são editadas com a mistura de fotos e cenas de filmes e desenhos animados. As ideias são boas, mas este formato de retrospectiva já se tornou cansativo e repetitivo.

Para o aniversário do meu priminho Samuel, surgiu a possibilidade de contratarmos um prestador de serviço, mas optamos por fazermos nós mesmos.

Encontrei algumas retrospectivas criativas durante as minhas pesquisas. Uma mais interessante que a outra, mas eu tinha um problema: o tempo disponível para preparar algo incrível. A ideia era criar editar as cenas construindo uma pequena história que amarrasse as cenas de forma harmônica.

Mesmo com um tempo curto disponível para a edição, reuni algumas poucas fotos e cenas em vídeo de vários momentos que gravamos do Samuel, como ele tomando banho no tanque da casa da minha vó, chupando limão e brincando com seus dinossauros de borracha.

Como a festa do Samuel foi com o tema Dinossauros, queríamos, de alguma forma, fazer com que os dinossauros aparecessem no vídeo. A solução foi gravar cenas do meu priminho brincando. Vale ressaltar que ele não tem deixado a gente gravá-lo. Só conseguimos porque ele realmente está em uma fase de amor absoluto por dinossauros.

Utilizamos duas trilhas sonoras: uma mais emocionante para as fotos dos primeiros dias de vida dele e outra mais divertida para acompanhar as cenas em vídeo.
A união das cenas escolhidas e das trilhas tornaram o nosso vídeo muito especial. Os convidados ficaram bastante encantados, mesmo sabendo que foi tudo produzido às pressas.

O toque especial foi dado com a cena final. Peguei o vídeo mais divertido para encerrar a retrospectiva.

O resultado final da nossa retrospectiva infantil foi simples e com várias cenas divertidas que vivemos ao lado do nosso pequeno membro da família. Confiram!

Resultado final do vídeo da retrospectiva infantil

Reforma da casa: por onde começar?

0

No caminho de casa para o trabalho eu me deparo com inúmeras reformas residenciais inacabadas e me pergunto: Que tipos de problemas são mais comuns que impossibilitaram a conclusão da reforma da casa?

Atualmente eu moro com a minha mãe na casa da minha avó e passamos por uma reforma muito desgastante, por sinal. Como eu estou prestes a iniciar uma obra na minha casa, achei importante levantar os principais problemas que as pessoas enfrentam durante as reformas residenciais para minimizar ao máximo os problemas que venham a surgir.

Atualmente a casa que será reformada está desocupada e necessita de reparos com urgência: a caixa d´água precisa ser trocada, as telhas estão caindo, infiltração de água etc. Há muito trabalho pela frente. Pensando neste processo, agrupei as principais dicas que encontrei sobre o assunto para ajudar outras pessoas que estão passando pelo mesmo momento que eu.

Qual é o resultado final esperado com a reforma da casa?

Você, como eu, decidiu realizar a reforma da casa. Sabe exatamente o que você deseja? Antes de contratar profissionais e sair comprando material, reflita sobre o que você realmente quer realizar para evitar que a reforma seja um fiasco.

Avalie o que é necessário e o que pode ser feito como melhoria. Eu, por exemplo, li em outro site sobre os benefícios da energia gerada a partir de luz solar. Percebi que eu tenho estrutura física para isso. O custo é alto, porém valoriza bastante o imóvel.

Planeje a reforma residencial

Seja qual for a dimensão da reforma, é importante planejar: coloque tudo no papel. Cada detalhe desejado deve ser cuidadosamente estudado para evitar surpresas.

Simule em uma planilha todos os gastos com a obra. Não precisa ser nada muito complexo. Assim você consegue ter uma noção melhor do investimento necessário e ainda lhe permite estudar formas de pagamento e avaliar o quanto você poderá comprometer da sua renda mensal.

Aonde acomodar os móveis e objetos

Dependendo da grandiosidade da reforma, você precisa pensar o que fazer com os móveis e objetos e, principalmente, com você e os demais membros da família. Veja se você tem um espaço na casa que lhe permita guardar suas coisas. Caso contrário, você pode locar espaço em um armazém durante o período da reforma.

Quando a reforma envolve mais de um cômodo da casa é importante estudar o fluxo de pessoas para minimizar o transtorno causado pela estrutura necessária para a obra. Durante a reforma na casa da minha avó, por exemplo, parecíamos nômades trocando de quarto enquanto o pedreiro aplicava o piso dos quartos, sala, cozinha, banheiro etc. Foi bastante desgastante.

Uma alternativa, para reformas que envolvem muitos cômodos, ou até a casa toda, é morar temporariamente na casa de um parente. Este é o meu caso 😉

Pesquise preço de materiais antes do início da obra

Além de um pedreiro de confiança, pesquisar preços de materiais é uma etapa muito importante, pois te faz poupar para investir em decoração, por exemplo, ou simplesmente economizar por si só.

Elabore um cronograma de reforma

Colocar em um cronograma cada etapa da reforma ajuda você a ter uma melhor noção do tempo necessário para a conclusão da obra. Lembre-se que o cronograma precisa ter prazos passíveis de serem atingidos. Tenha os pés no chão. Não invente. Pesquisa antes quanto tempo em média uma reforma pode durar e negocie também com os profissionais envolvidos.

Minha primeira decoração de festa infantil

0
Festa Infantil dos Minions

É fácil organizar e decorar uma festa infantil? Confesso que não foi tão simples, como muitos acreditam, mas a minha primeira experiência foi incrível.

Eu sempre gostei muito do universo infantil e amo organizar eventos. Infelizmente tenho tido pouco tempo para me dedicar a esta atividade.

Resolvi arriscar em preparar a primeira decoração de festa infantil assim que meu priminho Samuel nasceu. Foi a primeira de muitas experiências que estão por vir.

Confira a seguir como preparamos cada detalhe desta festa.

Planejamento da festa infantil

A primeira etapa, que eu considerei fundamental, foi planejar tudo com antecedência. Não me recordo quanto tempo dediquei ao planejamento da festa, mas todo o processo, do planejamento à execução, levou algo em torno de três meses.

Primeiramente fiz uma pesquisa de elementos para a decoração. Levei em consideração os recursos que, ao meu ver, eram elegantes, fáceis de se colocar em prática e de baixo custo. A idéia central era economizar.

Organizei a festa em tópicos em uma apresentação de slides com os seguintes tópicos:

  • Ideias de elementos para decoração
  • Ideias para a montagem da mesa
  • Doces
  • Cardápio

Vale ressaltar que, antes de organizar as ideias em slides, eu tinha decidido juntamente com a minha mãe e minha prima (mãe do Samuel) qual seria o tema da festa e o local. Escolhemos o tema Meu Malvado Favorito, dando um destaque especial aos personagens Minions, e o local escolhido foi a casa da minha Vó.

Pensando na decoração

No dia em que tivemos a ideia de usar os Minions como atores principais da festinha do Samuel, busquei inúmeras referências de imagens.

Definimos qual seria a paleta de cores a ser utilizada na decoração: basicamente usamos um tom de amarelo levemente alaranjado e azul.

Para disfarçar as imperfeições da mesa da cozinha, compramos um tecido azul.

Inspirado no poster de Meu Malvado Favorito 2, criamos um painel de fundo em lona utilizando a mesma tipologia do filme com a frase adaptada para Meu Samuel Favorito 1.

Poster do filme Meu Malvado Favorito: inspiração para o painel de fundo para a festa infantil
Painel de fundo da mesa da festa infantil com tema dos Minions

Comprando os itens para a decoração

Depois de uma longa pesquisa de ideias para a decoração, elegemos quais elementos efetivamente seriam utilizados na decoração. Passei os slides para minha mãe e ela foi às compras com minha prima.

Mesmo com o objetivo de economizar, eu não aceitei a compra de qualquer item não. Fiz questão de aprovar os principais itens à medida que eram comprados. Somente assim eu garantiria que a decoração atenderia às premissas estabelecidas no projeto.

Detalhe da mesa da festa infantil com o tema Minions: baleiro

Quando minha mãe foi às compras dos itens de decoração, ela teve contato com outros materiais bem bonitos e que deram um toque especial à decoração, como foi o caso dos adesivos redondos que utilizamos nos pirulitos.

Detalhe da mesa da festa infantil com o tema Minions: pirulitos de chocolate

Decoração

Após cobrir a mesa com o tecido azul, fui posicionando os itens buscando uma certa harmonia entre os elementos. Iniciei com a bandeja do bolo e, ao redor, fui posicionando a torre de cupcakes, o prato de docinhos, os potes de balas com graminha artificial, pote com pirulitos de chocolate e os bonecos sentados.

Torre de cupcakes

Para o quintal reservamos balões zuis e amarelos e os fixamos nas grades das janelas.

Balões azuis e amarelos espalhados pela casa

Aprendizado com a primeira decoração de festa infantil

  1. Apesar do cardápio ter sido suficiente, senti falta de estimarmos o consumo médio por convidado para evitarmos desperdício.
  2. Planejar o que será comprado é importante, mas ir às compras é essencial. Podemos ter novas ideias e, eventualmente, substituir itens que possam atender às mesmas necessidades, porém com um custo menor ou com um visual mais interessante para a composição final.
  3. Senti falta de uma planilha de custos para registrar todos os gastos.
  4. O tecido da mesa ficou curto nas lateriais da mesa e comprido nas pontas. Tivemos que fazer umas pregas com alfinetes nas pontas da mesa.
  5. O bolo ficou tradicional demais. Para a próxima festa queremos pensar em algo diferente.
  6. Não utilizamos todos os itens comprados. Talvez se tivéssemos comprado os itens exatos que usaríamos, não teríamos opções para compor a mesa, já que mudamos de ideia durante a montagem.
  7. Não fizemos um registro fotográfico detalhado da decoração.
Minha Primeira Festa Infantil: Resultado Final da Decoração da Mesa
Resultado Final da Decoração da Mesa